CONHEÇA NOSSOS PROJETOS:

DOMINGO NO PARQUE / VIVA A CULTURA

O projeto “Domingo no Parque” foi desenvolvido em 2009 com o objetivo de dar espaço aos artistas locais e proporcionar um momento de interação entre os músicos e seu público, além de lazer à população.

 

As atividades eram promovidas pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da secretaria da Cultura e Lazer (Secult) em parceria com as secretarias da Cidadania (Secid), e de Relações do Trabalho (Sert), com produção artística da Carlos Madia Produções.

 

A primeira edição foi realizada em 26 de abril de 2009 e a última em 14 de julho de 2013. Desde então, o projeto passou a se chamar “Viva a Praça”. E partir de maio de 2015 o projeto começou a chamar "Viva a Cultura" . Hoje ele é realizado aos sábados e domingos, em diferentes espaços da cidade. 

 

Além da programação musical outras atrações já compuseram o projeto, como a montagem de redes de descanso, exposições fotográficas, feiras de artesanato, a oficina do Pintura Solidária, o Vai e Vem, que tem livros e revistas à disposição do público, e atividades de lazer e esportivas, voltadas ao público infantil.

 

Atualmente, o evento é promovido pela Prefeitura de Sorocaba, através da secretaria da Cultura e Lazer (Secult), com produção artística da Carlos Madia Produções.

 

 

PLANTANDO VIDA

Em 2015, a Carlos Madia Produções desenvolveu o projeto " Plantando Vida",que promoveu oficinas de teatro, contação de histórias e ilustração, para jovens do Parque Via Norte, na periferia de Campinas (SP).

O projeto visa que os jovens produzam um livro escrito em conjunto. Forão mil cópias publicadas e distribuídas em escolas e bibliotecas de Campinas e Região. Houve uma noite de autógrafos para o lançamento com a presença dos ‘escritores’. 


O livro teve como tema a sustentabilidade e o assunto principal foi definido com a participação dos alunos, durante as oficinas que antecedem o processo de escrita.


As ilustrações do livro foram feitas pelos próprios alunos durante as oficinas de ilustração, tudo isso foi produzido pela Carlos Madia Produções, dentro da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, com patrocínio da UPL do Brasil e apoio da Associação Vida. 

 

BATUQUE NA VIDA

 

Em 2014, a Carlos Madia Produções desenvolveu o projeto “Batuque na Vida”, que promoveu aulas de percussão aos adolescentes do Parque Via Norte, na periferia de Campinas (SP). As atividades foram coordenadas pelos professores Dirceu Marques Junior (Barba) e Manoel Faria (Manu), aos sábados, entre fevereiro e junho.

 

O projeto foi dividido em quatro módulos e ao final de cada um os jovens se apresentaram em outros bairros de Campinas. No dia 14 de junho, para marcar o final das aulas, foi realizado um show de encerramento na Concha Acústica do Parque Taquaral, para gravação de um DVD, com as participações especiais do grupo de maracatu Leão da Vila, do percussionista Denis Lisboa, do grupo de forró pé de serra Trio Macaíba, da cantora e dançarina africana Fanta Konatê, e da autoridade mundial em percussão Naná Vasconcelos, eleito oito vezes o melhor percussionista do mundo pela revista americana Down Beat e ganhador de oito Grammys. 

 

As aulas tiveram como objetivo apresentar aos jovens o conceito de música e despertar o interesse pela arte e pela socialização, combinando manifestação artística à conscientização social e estruturando no jovem seu protagonismo social. O “Batuque na Vida” foi produzido pela Carlos Madia Produções, dentro da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, com patrocínio da UPL do Brasil e apoio da Associação Vida. 

CULTURA NA ESTAÇÃO

 

Compõe o projeto cultural “Heringer e Alexandra, juntos podemos muito mais!”, idealizado pela Fertilizantes Heringer, com o apoio do Movimento Alexandra Rumo ao Desenvolvimento e da Prefeitura Municipal de Paranaguá realizado semanalmente na praça Conceição Zella, no bairro de Alexandra. A coordenação e produção artística é da Carlos Madia Produções.

 

Atividades desenvolvidas: apresentações artísticas; exposições fotográficas; biblioteca móvel; caricaturas; pintura de rosto; redes para descanso; feira de artesanatos e cinema. O “Cultura na Estação” valoriza e passa a transformar em local de atividades rotineiras de cultura, lazer e entretenimento a Praça Conceição Zella (largo em frente à antiga Estação Ferroviária), onde é realizado. Proporciona à população e aos músicos da cidade um intercâmbio musical trazendo atrações de outras cidades e até outros Estados.

 

Atualmente as atividades do “Cultura na Estação” são desenvolvidas às sextas-feiras, das 18h às 23h, dia e horário em que mais pessoas aproveitam as atividades, já que o clima é mais ameno. As primeiras edições foram realizadas aos domingos, das 9h às 18h.

CASA DE CONVIVÊNCIA

 

Assim como o projeto Cultura na Estação, a Casa de Convivência é mais uma ação sociocultural da Fertilizantes Heringer que oferece diversas atividades.

 

Da mesma forma que a programação do projeto, as atividades oferecidas na Casa de Convivência são gratuitas. Entre elas, estão aulas de inclusão digital, música e teatro que contam com um parceiro: o Sesi Paranaguá. Uma biblioteca com um acervo inicial de mais de 1.000 livros também está disponível para a população. 

 

Palestras gratuitas sobre diversos temas são oferecidas na Casa de Convivência. As atividades da Casa abrangem toda a comunidade em todas as idades, basta entrar em contato pelo site ou pessoalmente e preencher a ficha de inscrição.

 

SAIBA MAIS EM: www.casadeconvivencia.com.br

CULTURA DA HORA

 

O Cultura da Hora deu início as atividades em junho de 2009. Através desse projeto, a Carlos Madia Produções Artísticas interfere no cotidiano das pessoas, levando até elas toda a genialidade e sutileza do universo das artes, enaltecendo assim o talento dos artistas regionais e fortalecendo a cultura brasileira como um todo.

 

São shows de aproximadamente 2 horas de duração, às quartas-feiras, em dois horários, no hipermercado Walmart. Durante as apresentações os clientes e funcionários do hipermercado podem apreciar sucessos de consagrados nomes da M.P.B., interagindo com os músicos, fazendo seus pedidos, cantarolando e aplaudindo.

 

Vale ressaltar que o ‘Cultura da Hora’ é gratuito para o público. Quem proporciona esse rico momento de envolvimento com a arte são os patrocinadores do projeto que o veem como uma porta de comunicação com seus clientes ou futuros clientes.

 

SAIBA MAIS EM: www.culturadahora.com.br

DançaBrasil

 

Em setembro de 2015 a Convivência do Sesc Sorocaba foi palco para duas edições do projeto DançaBrasil. Foram quatro vivências gratuitas de danças populares, nas quais os participantes tiveram a oportunidade de conhecer um pouco da história de cada ritmo trabalhado e experimentar a sensação de participar um pouco dela e de seu contexto cultural, aprendendo alguns passos, dançando ao som de músicos profissionais e ao lado de dançarinas experientes.

Coco e samba de roda foram os ritmos trabalhados no primeiro dia. Ciranda e maracatu no segundo. No total cerca de 800 pessoas participaram das vivências ministradas pelo Núcleo de Cultura Popular Leão da Vila, que há vários anos se dedica ao resgate e difusão da cultura tradicional brasileira. O núcleo foi fundado e ainda hoje é dirigido por Ramon Vieira (músico e pesquisador) e Telma Tessilla (dançarina e pesquisadora).

O DançaBrasil foi realizado pelo Ministério da Cultura, através da Lei de Incentivo à Cultura com patrocínio da Unimed Sorocaba, apoio do Sesc  e produção da Carlos Madia Produções.

  • CARLOS MADIA PRODUÇÕES ARTÍSTICAS
      Tel: (15) 3217-1611 / 99721-2485 - carlosmadia@carlosmadia.com.br

Desenvolvido por Fernanda Teka

  • Facebook - White Circle
  • LinkedIn - White Circle
  • Instagram - White Circle