Single

É Melhor Batucar

(2017)

“É Melhor Batucar” surge a partir da importância que o batuque tem pra mim e pro mundo, e também porque a PLAP existe e me mostrou caminhos. Não teria sentido gravar essa canção sem a presença de C.A. Ferrari, Celso Alvim, Mário Moura, Pedro Luís e Sidon Silva.​

 

Desde 2002 acompanho e sou fã de Pedro Luís e A Parede e deste bloco fantástico fundado por eles; o Monobloco. Quando iniciaram as oficinas de percussão em São Paulo, em 2015, imediatamente me candidatei a aluno. A partir deste contato, a admiração artística e pessoal foi enriquecida com uma convivência semanal.

 

Carlos Madia

 

O single foi gravado em Sorocaba e Rio de Janeiro sob a batuta do talentosíssimo multi instrumentista Cléber Almeida, que é responsável pelos arranjos e tocou lindamente o Contrabaixo. Os registros contam ainda com Ernani Cal soando a Cuíca, Luiz Anthony vibrando Bandolim e Cavaquinho e Gustavo Marques timbrado as guitarras. Um time de Amigos músicos que trouxeram sua arte pra somar e fazer fluir com boas energias.

A Concepção

"É Melhor Batucar" é pessoal, é nacional, é mundial.


É pessoal quando mostra a dor de uma relação mal resolvida e a dificuldade em aceitar o fim. É nacional quando critica uma classe política que em sua maioria insiste em defender interesses próprios e trata o Brasil como uma propriedade particular. É mundial quando chora clamando por paz e entendimento num mundo onde as pessoas sofrem com o medo, insegurança, abuso de poder e manipulações. O Batuque é protesto, é panela, é corpo, é dor, alívio, festa, é se mostrar vivo, é se fazer ouvir, se mostrar forte, é união, é popular, é de cada um, é de um país, é do Mundo inteiro e é pra sempre.

Ouça online

O vídeo

O vídeo foi dirigido e editado por Juca Mencacci. O diretor, com seu olhar apurado e sensível às cenas cotidianas transformou as palavras e sons em imagens e teve como parceira Elaine Buzzato comandando a cenografia e figurinos. Sintonizando suas linguagens que passam pelo folclore e artesanato mas com um vanguardismo que mostra suas personalidades artísticas mostraram sempre estar atentos ao contexto e intenção que a canção tinha de mostrar cenas do mundo, do país e do universo do compositor.

Ficha Técnica

Carlos Madia - Voz e Violão (Show/Videoclipe)

Pedro Luís e a Parede - Celso Alvim, C.A. Ferrari, Pedro Luís, Sidon Silva e Mário Moura Convidados Especiais (Show/Videoclipe)

Cleber Almeida - Arranjo, Produção Musical e Contrabaixo (Show/Videoclipe)

Gustavo Marques - Guitarra (Show/Videoclipe)

Paulo Almeida - Bateria (Show)

Luiz Anthony - Bandolim, Guitarra e Cavaquinho (Show/Videoclipe) Ernani Cal - Cuíca (Videoclipe)

Gabriel Walsh - Sanfona e Teclado (Show)

Elaine Buzato - Cenário e Figurino (Show/Videoclipe)

Juca Mencacci - Direção de Fotografia e Edição de Imagens Videoclipe (Show/Videoclipe)

Roberta Massagardi - Assistente de Produção Executiva (Show/Videoclipe)

Ouça mais, online.
  • Stopify
  • Deezer
  • SoundCloud
  • iTunes
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook